Plugado

Amigo que levava Teori a Parati era réu no STF

Amigo que levava Teori a Parati era réu no STF

Por Fernando Brito, publicado em Tijolaço –  Carlos Alberto Fernandes Filgueiras, o empresário que levava Teori Zavascki para uma de suas propriedades em Parati – ele não tinha apenas o hotel, mas outras, mais discretas –  era réu no Supremo Tribunal Federal. Mês passado seu pedido para trancar uma ação penal por crime ambiental foi(…)

Morte do relator no STF da Lava Jato gera especulação

Morte do relator no STF da Lava Jato gera especulação

Por Eliz Brandão, publicado no Portal Vermelho –  A morte do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Teori Zavaski, relator do processo da operação Lava Jato, nesta quinta-feira (19), expõe uma série de evidências e comprova a máxima de que “o Brasil não é para amadores”. Foto: Agência Brasil Morte do relator da Lava Jato(…)

Com morte de Teori, futuro de processos sob sua relatoria está indefinido

Com morte de Teori, futuro de processos sob sua relatoria está indefinido

Publicado em Justificando –  Em meio à comoção pela morte do ministro Teori Zavascki, o Supremo Tribunal Federal (STF) terá um assunto inevitável para tratar: o legado de seus processos e pedidos de vista, como, por exemplo, o processo da Lava Jato, cujas delações seriam analisadas em fevereiro, e o julgamento da descriminalização das drogas,(…)

Destaque

Mais de 30 profissionais são demitidos em unificação das redações do Extra e O Globo

Mais de 30 profissionais são demitidos em unificação das redações do Extra e O Globo

Publicado em Jornal GGN –  Nesta quinta-feira (19), o Grupo Globo realizou uma demissão em massa que afetou profissionais do jornais O Globo e Extra. Agora, as redações dos dois veículos serão unificadas. De acordo com o Comunique-se, mais de 30 profissionais foram demitidos. Carta assinada por Ascânio Seleme, diretor de redação do O Globo, e Octavio Guedes,(…)

Milhares abraçam a UERJ na luta contra o desmonte

Milhares abraçam a UERJ na luta contra o desmonte

Da Redação: Milhares de pessoas foram até o campus dá UERJ Maracanã para abraçar o prédio dá universidade. O Sinpro-Rio esteve presente, apoiando os trabalhadores em greve. O descaso dos governos federal e estadual levou a UERJ a um a triste situação de desmonte, com a escola pública e gratuita sendo coloca dá em risco.(…)

Contra o preconceito do prefeito, mais “arco-íris”

Contra o preconceito do prefeito, mais “arco-íris”

Ora, Píluas –  Pois é, e o prefeito de são Paulo resolveu criminalizar a arte do grafitti. Como disse o amigo e jornalista Renato Rovai, vai perder esta guerra. Numa cidade tão cinzenta, tão macambúzia como São Paulo, o grafitti é um arco-íris permanente em alguns pontos da cidade. Ele, o prefeito Joáo Dória, que(…)