Caras de pau querem criminalizar Lula sem provas

Caras de pau querem criminalizar Lula sem provas

Por Vinícius Carvalho, no Facebook de Denise Rohloff – 

Obama viajou o mundo em exercício da presidência dando palestra paga e tentando vender os aviões da boeing e os caças da Lockheed Martin, inclusive aqui no Brasil.

Sarkozy fez a mesma coisa tentando vender os caças Rafale, da Dassault.

Angela Merkel veio aqui negociar em nome das montadoras alemãs de carro.

Sabe qual o nome disso? Capitalismo e balança comercial.

Todos com campanhas financiadas por empresas.

Inclusive, o Trump devia quase 80 milhões por causa da campanha presidencial à empresa Raytheon, fabricante dos mísseis Tomahawk. Sabe o que ele fez semana passada? Comprou e jogou cabalísticos 59 desses mísseis na Síria. Coincidência não?

Já por aqui o Serra fez a mesma coisa, só que defendendo os interesses de petroleiras estrangeiras. O mais podre dos lobbies (que no Brasil é crime). Mas aí ninguém esquentou a cabeça​.

FHC foi o único ex-presidente vivo que pediu “doação” para a Odebrecht ainda em exercício de mandato, e dentro do Palácio do Planalto, com um laranja nomeado pra recolher o butim, para a construção do seu instituto.

E adivinha onde o pessoal do STF vai fazer palestra? No instituto dele.

Adivinha quem é convidado para escrever coluna nos jornais para falar sobre a crise moral do país? Ele…

Adivinha quem fez palestra paga por político e empresário no auge da lava-jato e ganha acima do teto permitido? Sérgio Moro.

Aí querem criminalizar o Lula sem provas, por fazer palestra para uma empresa brasileira em Angola,  fora do exercício da presidência.

É pouca cara de pau?

Deixe um comentário